Questões Estranhas


Não fiques assim sério tão calado,
Se sabes que tenho um coração mendigo,
Que nos pede para estar contigo,
Perdoe se isto for meu pecado.

Se sabes que eu não minto,
E que não me importo em me ferir,
Porque não me deixas a mais sentir,
O que agora eu só pressinto?

Ou então por que ainda me tiras a calma,
Se sabes que ainda é tão cedo,
Porque eu já sinto tanto medo,
Que fujas de minh’alma?

Podes ignorar os exageros de minha mente,
Só se para minha boca calar,
Tiveres que roubar dela o meu ar,
De teus lábios, boca, e beijos ardentes.

Krol Rice

Comentários

adorei sua postagem.
ela coube como uma luva,
pois eu estava tão triste
e ele me animou...
não sei como!

Postagens mais visitadas