Exclusivo


 Numa noite
O dia chegou
Portas se cerraram
O mundo encolheu
Mãos se apertaram
Meu coração bateu
Olhos se fecharam
A solidão disse adeus
E deixou o lugar
Que a partir daquela noite
Seria para sempre Teu.


Krol Rice

Comentários

João Ludugero disse…
Olá, minha Amiga Carol,
Boa tarde!
Me bateu saudade d'ocê, viu?
Não esqueci dessa menina linda de viver, dos seus pés de moleca a comprar na bodega seus doces de leite e suas regalias do interior.
Estou aqui para te dar um forte abraço, bem iluminado, apertado, de coração. TE ADORO, minha ESTRANHA Amiga! Seria difícil não gostar dessa criatura admirável, a quem tenho estima, e guardo subida consideração. Hiper mega abraço,
Do Amigo João Ludugero.
Ah, Gostei muito do seu poema. Demais! Você sempre arrasa. Tem o dom de arrasar. E brilha muito!

Postagens mais visitadas